Sexta-feira, 20 de  maio de  2022 

Pesquisar no Site

Servidores federais dão início a construção de uma greve nacional da categoria

Os servidores federais combaterão toda a arrogância e prepotência do governo Bolsonaro com mobilizações de rua e nas redes sociais. Esse foi o recado dado pelos representantes do funcionalismo público durante o lançamento do Comando Nacional de Mobilização e Construção da Greve dos Servidores, que aconteceu nesta quarta-feira (09), durante live transmitida pelas redes sociais da Frente Parlamentar Mista em Defesa do Serviço Público. A live contou com a presença de representantes de várias centrais, sindicatos e fóruns de trabalhadores. 

Os trabalhadores estão há mais de dois meses buscando o diálogo com o governo Bolsonaro e não tiveram nenhuma resposta. No dia 18 de janeiro, os representantes da categoria protocolaram a pauta de reivindicação no Ministério da Economia. A demanda é por reposição salarial imediata e linear de 19,99%, revogação da Emenda Constitucional 95, que congelou os investimentos públicos por 20 anos, e arquivamento da PEC-32, que pretendia promover o desmonte dos serviços públicos.  

Mas o governo Bolsonaro não abre mão de penalizar os servidores. Enquanto a Lei Orçamentária de 2022, reservou apenas R$ 1,7 bilhão para a reposição inflacionária dos trabalhadores, ela destinou R$ 37,6 bilhões para emendas parlamentares, dos quais R$ 16,5 bilhões estão no "orçamento secreto". A Lei também reserva um valor de R$ 1,9 trilhão para o refinanciamento da dívida. Além disso, as contas públicas tiveram um superávit de R$ 64,7 bilhões em 2021. A arrecadação do Governo, em 2021, teve um aumento substancial em comparação com 2020. Houve um incremento de 17,3% na arrecadação de impostos, devido aos constantes reajustes dos combustíveis. Corrigido pela inflação, o valor representa R$ 1,971 trilhão. No ano anterior, a arrecadação foi de R$ 1,679 trilhão. 

Para uns tudo, para outros nada

Atualmente, o Brasil possui 1,257 milhão de servidores federais ativos, aposentados e pensionistas de diversas áreas, mas Bolsonaro quer conceder o reajuste apenas aos servidores da Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal e do Departamento Penitenciário Nacional. Isso quando a grande maioria dos servidores está há mais de cinco anos sem reajuste. Com a escalada da inflação, hoje a dois dígitos, seus salários acumulam defasagem de até 30%. Além disso, se não houver correção neste momento, ela só poderá ser feita em 2024, devido a legislação aprovada no ano passado que proíbe a reavaliação de salários em anos de transição de mandatos de governadores e presidentes.

Um total de 22 estados e o Distrito Federal estão concedendo reajuste para os seus funcionários. Isso também vem ocorrendo em centenas de municípios. Mas o governo federal não quer nem negociar, mostrando o quanto desrespeita seus trabalhadores.

“O governo Bolsonaro é a maior tragédia para todos os trabalhadores brasileiros, do serviço público e da iniciativa privada. Em janeiro de 2019, quando Bolsonaro assumiu a Presidência, existiam 665 mil servidores públicos federais na ativa. Com a sua política de desmonte do setor, tendo como objetivo dificultar o atendimento à população e tentar convencê-la de que os serviços públicos são ineficientes, hoje são apenas 534 mil servidores. Devido à ausência de concursos públicos, são 131 mil servidores a menos” comentou o secretário secretário-geral da Condsef/Fenadsef, Sérgio Ronaldo, durante a live de lançamento. “Além disso, todo ano temos um contingenciamento de recursos, nas mais diversas áreas, que chega a 50%. Bolsonaro está nos desafiando. Por isso, precisamos ir para cima”, complementou.

Além da Condsef/Fenadsef, participaram da live, representantes do Fonasefe, Fonacate, CUT, CTB, CNTE, Andes-SN, Fasubra, Fenajufe, Fenasps, Proifes – Federação, Sinasefe, Sinal, Fórum Baiano em Defesa do Serviço Público e Fórum Paraibano em Defesa do Serviço Público.

Mobilizações, caravanas e acampamento na Esplanada

Agora, depois do lançamento do Comando Nacional de Mobilização, os sindicatos estaduais deverão montar os seus comandos locais para construir o movimento junto à base. Vários sindicatos já estão convocando assembleias e reunindo a sua base em torno da greve.

O Dia Nacional de Mobilização, Paralisação e Greve dos Servidores Públicos Federais acontecerá no 16 de março. Serão realizadas manifestações nas ruas e locais de trabalho das capitais e cidades do interior de todos os estados brasileiros, além de um grande ato em Brasília e mobilização nas redes sociais. Todos os sindicatos estaduais deverão enviar delegações para a Capital Federal.

No dia 16 será dado um ultimato ao governo Bolsonaro. A partir desta data, o governo terá sete dias para atender às reivindicações dos servidores. Caso não haja negociação e fechamento de um acordo até o dia 23 de março, deverá ter início uma greve geral por tempo indeterminado.

“No dia 16, a Condsef levará caravanas dos estados à Brasília. Serão cerca de 200 líderes sindicais de diversos locais do Brasil. Depois do ato, iremos montar um acampamento para ficar, permanentemente, na porta do Ministério da Economia. Conclamamos as demais entidades a permanecerem com militância em Brasília para estarmos juntos, diariamente, fazendo pressão junto ao governo”, informou Sérgio Ronaldo.

O Diretor Executivo da CUT, Pedro Armengol, lembrou que os servidores públicos passaram por um período difícil durante a pandemia do novo coronavírus. Enquanto muitos servidores arriscavam suas vidas para salvar brasileiros e brasileiras na linha de frente de combate a pandemia, o governo conseguiu aprovar um projeto proibindo qualquer reposição salarial desses trabalhadores.

“Paralelamente, temos um governo pautado economicamente por uma ótica fiscal ultraliberal e perversa de estado zero, que elegeu, desde o início, os servidores públicos como alvos dessa política. No entanto, quem paga a conta dessa política não são apenas os servidores públicos, mas todos os cidadãos brasileiros que utilizam os serviços públicos e as políticas sociais de estado. Importante destacarmos que, depois do golpe de 2016, que retirou a ex-presidenta Dilma Rousseff do poder, os governos vêm reduzindo os investimentos e precarizando áreas como as de saúde, educação, saneamento e segurança. No dia 16, iremos fazer uma grande atividade em Brasília”, afirmou Pedro Armengol, que também é diretor da Condsef.

PARABÉNS À TODAS MULHERES!

"JUNTOS SOMOS MAIS FORTES"

O Sindsep-MT, visando facilidade e conforto aos nossos filiados (as), assinou parceria com a empresa Focco Brasil Negócios & Parcerias que está criando um Clube de Benefícios e que já se encontra em pleno funcionamento
Euplácido Pedroso e Karlla Rodrigues, gestores da Focco Brasil estão, a princípio, atendendo em nossa sede, captando empresas dos mais variados segmentos, inclusive aceitando sugestões de associados para possíveis parcerias.
O Clube de Benefícios irá proporcionar descontos exclusivos na aquisição de produtos em lojas conveniadas ou de serviços. Este convênio é exclusivo para FILIADOS do Sindsep-MT. Para saber mais ligue: (65) 3023-7000

Confira a lista dos primeiros parceiros conveniados ao SINDSEP/MT e seus respectivos descontos:

APARELHOS AUDITIVOS:
- Audax Aparelhos Auditivos
Av. Cel. Escolástico, nº 210 – Lixeira – Fone: 2127-2040
# Descontos de + 5% sobre o valor com desconto habitual (de 10%) da loja com pagamentos à vista ou de 5% sobre o preço normal, com pagamentos nos cartões de crédito em até 10 vezes, exceto nas promoções.

CLÍNICA DE ESTÉTICA AVANÇADA:
- Royal Face – Cuiabá
Av. São Sebastião, nº 2142 – Goiabeiras – Fone: 99974-8486
# Descontos variados de 10% a 50% em todos os procedimentos, exceto nas promoções, com pagamentos à vista ou nos cartões de crédito em até 12 vezes e no carnê da beleza em até 24 vezes, mediante análise de crédito com os encargos da financeira.

CLÍNICA DE FISIOTERAPIA & PILATES:
- T L Fisioterapia – Clinica de Fisioterapia & Pilates
Av. João Gomes Sobrinho, nº 98 – Lixeira – Fone: 99817-1995
# Descontos de 40% à vista ou de 30% nos cartões de crédito em Pilates; de 20% à vista ou nos cartões de crédito em Fisioterapia e de 15% à vista ou nos cartões de crédito em avaliações de fisioterapia.

- Studio Auge
Av. Brigadeiro Gomes, nº 611 – Goiabeiras – Fone: 2136-7751
# Descontos de 10% à vista em Fisioterapia e demais modalidades esportivas.

CLÍNICA DE ODONTOLOGIA:
- Sorrisus Odontologia
Av. General Melo, nº 1681 – Sala: A, Jardim Paulista – Fone: 3365-6200
# Consultar descontos na secretaria do sindicato.

CLÍNICA DE ODONTOLOGIA &
ESTÉTICA:
- Clínica Avença Odontologia & Estética
Av. Isaac Póvoas, nº 607 – Centro – Fone: 99960-3434
# Consultar descontos na secretaria do sindicato

CLÍNICA DE PSICOLOGIA MULTIDISCIPLINAR ESPECIALIZADA EM AUTISMO:
- Clínica de Psicologia Evolver
Rua Brigadeiro Eduardo Gomes, nº 74 – Popular – Fone: 2136-3046
# Descontos de 25% em tratamentos para crianças com autismo e em psicologia, fisioterapia e fonoaudiologia e de 14% em sessões de psicologia, fisioterapia e fonoaudiologia para adultos e adolescentes, com pagamentos à vista ou nos cartões de crédito.

CLÍNICA DE PSICOLOGIA & PSICOPEDAGOGIA:
- Clínica Influenciar (Dr. Mário Roney)
Rua Alenquer, nº 20 – Salas: 3/4/5 – CPA I – Fone: 3365-4635
# Descontos de 35% à vista ou nos cartões de crédito em sessões individuais ou pacotes com 12 sessões iniciadas.

COACH & HIPNOTERAPEUTA:
- Carine – Coaching
Rua Presidente Marques, nº 35 – Goiabeiras – Fone: 99274-7474
# Descontos de 15% à vista ou de 10% nos cartões de crédito em serviços e sessões.

CONSULTÓRIO DE ODONTOLOGIA:
- Drª Pâmella Afonso – Odontologia
Av. Cel. Escolástico, nº 519 – Bandeirantes – Fone: 99356-8734
# Consultar descontos na secretaria do sindicato.

DEPILAÇÃO À LASER:
- Vivere Clínica de Estética (Franqueada Giolaser)
Av. Isaac Póvoas, nº 898 – Goiabeiras – Fone: 3641-8809
# Descontos de 50% à vista ou de 30% nos cartões de crédito em até 06 vezes e sem juros em depilações, exceto nas promoções.

DERMATOLOGISTA & ESTÉTICA AVANÇADA:
- Drª Rosana Salomão
Rua Comandante Costa, nº 1494 (anexo 3) – Centro Sul – Fone: 99649-1721
# Descontos de 30% em consultas e de 15% em procedimentos estéticos, com pagamentos à vista ou nos cartões de crédito.

ENERGIA SOLAR FOTOVOLTAÍCA:
- Tech Inov
Travessa Vila Rica, nº 66, Sobrado: 01 – Cidade Alta – Fone: 99951-6430
# Descontos de 5% a 7% no sistema solar fotovoltaica.

- B M Solar
Rua F, Qda: 15, Casa: 23 – Barra do Parí - Fone: 99644-7040
# Descontos de 5% nos projetos de energia solar.

- Nobel Energia Solar Fotovoltaica
Rua 04 de Janeiro, nº 436 – Jardim Leblon – Fone: 99988-4313
# Descontos de 5% a 8% em projetos de energia solar.

ESCRITÓRIO DE CONTABILIDADE:
- Eluz Assessoria Contábil
Av. Miguel Sutil, nº 6274 – Alvorada – Fone: 99961-5715
# Descontos de 20% à vista ou em boletos bancários, em serviços contábeis.

- Terceiro Setor Contabilidade & assessoria
Av. República do Líbano, nº 1620 – Alvorada – Fone: 3052-3195
# Descontos de 20% à vista em todos os serviços contábeis.

ESCOLA DE MÚSICA:
- Escola de Música Villa-Lobos
Av. General Melo, nº 508 – Dom Aquino – Fone: 99607-7842
# Descontos de 9% a 14% à vista nas mensalidades dos cursos musicais, de acordo com horários e vagas disponíveis.

ESMALTERIA:
- Nails 2 you -Cuiabá
Av. 08 de Abril, nº 88 – Sala: 01 – Popular – Fone: 3358-4456
# Descontos de 20% à vista ou de 10% nos cartões de crédito em todos os serviços, exceto nas promoções/combos e fidelidade.

HIGIENIZAÇÃO DE ESTOFADOS:
- Super Dry Higienização Especializada
Agendamentos e orçamentos: 99807-0559
# Descontos de 15% à vista ou de 10% nos cartões de crédito em até 12 vezes em todos os serviços, exceto nas promoções.

HIPNOTERAPEUTA:
- Rodolfo Rondon
Av. Mal. Zenóbio da Costa, nº 132, Sala: 05 – Duque de Caxias – Fone: 99281-0643
# Descontos de 14% à vista ou nos cartões de crédito (até 12 vezes) em sessões.

- Clínica de Hipnose Mezídio (Drª Ivonete Mezídio)
Av. Brasília, nº 486 – Jardim das Américas – Fone: 98412-1030
# Descontos de 30% à vista ou nos cartões de crédito (até 10 vezes s/ juros) em consultas e sessões.

LAVANDERIA:
- Lavô – Cuiabá
Av. Fernando C. da Costa, nº 2350 (Posto Metropolitano) – Jd. Paulista – Fone: 99961-8316
# Descontos de 15% em lavagens ou secagens com pagamentos somente por cartão de crédito, pelo APP PayBlu, exceto nas promoções.

ÓTICA:
- Ótica Vera
Rua Tenente Thogo da Silva, nº 87 – Centro Sul – Fone: 3324-1059
# Descontos de 15% à vista ou de 12% nos cartões de crédito em lentes e de 20% à vista ou de 15% nos cartões de crédito em armações e óculos solares, exceto nas promoções.

PODOLOGIA:
- Caminho dos Pés Podologia
Rua Almirante Pedro Alvares Cabral, nº 181 – Jardim Cuiabá – Fone: 99930-1421
# Descontos de 13% à vista ou nos cartões de crédito em todos os procedimentos, exceto pacotes.

PSICOLOGIA & PSICOPEDAGOGIA:
- Bruna Tondin – Psicóloga – Fone: 99277-3554
# Descontos de 25% à vista em consultas
- Barbara Rech – Psicóloga – Fone: 98134-8315
# Descontos de 10% à vista em avaliações neuropsicológicas.
- Sônia Regina – Psicopedagoga – Fone: 98136-7007
- Luciane Rodrigues – Psicopedagoga – Fone: 99958-7217
# Descontos de 15% à vista ou de 10% nos cartões de crédito em sessões.
- Jaqueline Rocha – Psicóloga – Fone: 99357-4498
# Descontos de 25% à vista ou em cartões de crédito em sessões.
- Thais Jimeniz – Psicopedagoga – Fone: 99289-1067
# Descontos de 15% à vista ou em cartões de crédito em sessões.
Obs.: Todas atendem no endereço: Rua 27, nº 232 – Boa esperança.

SALÃO DE BELEZA & ESTÉTICA:
- Studio Hage
Av. Historiador Rubens de Mendonça, nº 1047 – Baú – Fone: 2136-3086
# Descontos de 20% à vista ou de 15% nos cartões de crédito, exceto em manicure e pedicure e promoções.

- Tati Welter Hair & Spa.
Rua Brigadeiro Eduardo Gomes, nº 850 – Popular – Fone: 99679-0669
# Descontos de 10% a 15% à vista ou nos cartões de crédito em todos os procedimentos, exceto em manicure e pedicure e nas promoções.

STUDIO DE BELEZA:
- Studio Lucas Varão Concept Hair
Rua G 7, Qda: 04, nº 21 – Nossa Srª Aparecida – Fone: 99215-8750
# Descontos de 15% à vista ou de 10% nos cartões de crédito (parcelamentos à combinar) em todos os serviços, exceto em manicure e pedicure.

STUDIO DE MICROPIGMENTAÇÃO:
- Studio Angélica Felismino
Av. 08 de Abril, nº 88 – Popular – Fone: 99942-5787
# Descontos de 20% à vista ou nos cartões de crédito nos serviços de micropigmentação e remoção à laser, exceto nas promoções.

TERAPIAS INTEGRATIVAS, DESENVOLV. HUMANO & COACHING:
- Espaço Dekhana Desenvolv. Humano & Terapias Integrativas
Rua São Cristovam, nº 514 – Dom Aquino – Fones: 99216-8082 / 98422-4941
# Descontos de 15% à vista ou em cartões de crédito à vista em Terapias, Desenvolv. Humano, Coaching e Constelação Sistêmica, exceto em promoções e campanhas.

POR QUE FILIAR-SE AO SINDSEP-MT?

Mas por que eu preciso estar filiado? O que o meu sindicato faz por mim? Se eu não for sindicalizado o que estarei perdendo? 

Para que você, trabalhador, entenda a importância que o sindicato tem na sua vida laboral e até familiar, listamos alguns motivos de destaque para mostrar porque, atualmente, o sindicato se tornou indispensável para todas as categorias profissionais. Não perca tempo, busque o nosso sindicato, fique sócio, participe da vida sindical e usufrua dos benefícios de uma categoria unida e forte em busca de melhores condições de trabalho. Conheça o trabalho do seu sindicato, participe das ações e ajude-o a ficar cada vez mais forte para garantir direitos e ampliar as conquistas.

TRABALHADORES SINDICALIZADOS GANHAM MAIS E TÊM MAIS BENEFÍCIOS
Um estudo do Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicadas (Ipea) comprovou que os trabalhadores unidos em seu sindicato têm média salarial acima de quem não é sindicalizado. Por meio de uma simples comparação das médias das remunerações diretas, foi possível encontrar uma diferença entre trabalhadores sindicalizados e não sindicalizados. De acordo com o estudo, essa diferença equivale a R$ 562,28, em termos absolutos, em favor dos sindicalizados, ou 33,5%, em termos relativos. 
Ainda de acordo com o estudo, os trabalhadores de categorias organizadas tem mais facilidade em negociar benefícios, 36% se beneficiam dos convênios médicos, contra 20,3% dos não sindicalizados. 
Os sindicatos utilizam sua força coletiva para negociar melhores salários, melhores condições de trabalho e também uma gama de benefícios que não seriam conquistados caso fizessem uma negociação individual com o patrão.

TRABALHADORES ORGANIZADOS EM SINDICATOS TEM LOCAIS DE TRABALHO MAIS SEGUROS
Uma pesquisa do DIEESE (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos), sobre as cláusulas de negociações coletivas relativas a saúde e segurança no trabalho representam aproximadamente 20% do total de cláusulas registradas no SACC-DIEESE por ano. E ainda segundo o estudo, essas cláusulas se referem principalmente com o intuito de inibir os fatores determinantes para o adoecimento e as doenças no trabalho.
A verdadeira qualidade de vida no trabalho é o resultado de uma atuação em todas as suas dimensões, abrangendo a organização e a gestão, as relações entre os trabalhadores entre si e também com a gerência, as condições no trabalho, a remuneração adequada, não discriminação, a autonomia, além, é claro, de um ambiente saudável e seguro. 

FISCALIZAÇÃO DOS SINDICATOS GARANTEM QUE DIREITOS TRABALHISTAS SEJAM RESPEITADOS
O sindicato é responsável por fiscalizar o cumprimento dos pagamentos de salários e benefícios, os encargos como FGTS e INSS, se estão cumprindo as normas de saúde e segurança no trabalho, horas extras, horários de almoço e descanso, entre muitos outros pontos.
A entidade sindical é um fiscal atento, pois em contato com o trabalhador toma conhecimento das infrações que vão desde desrespeito às leis mais básicas até queixas de assédio moral a trabalho escravo, e faz a denúncia às autoridades fiscalizadoras e ao Ministério Público.

TRABALHADORES SINDICALIZADOS TÊM ACESSO A PROGRAMAS SOCIAIS EXCLUSIVOS
Além disso, o Sindsep-MT mantém serviços como assessoria jurídica gratuita, o melhor plano de saúde da região (UNIMED), desconto em cursos superiores para associados e dependentes na UNIVAG e convênios que oferecem descontos em uma gama de produtos. Nas próximas edições estaremos postando mais matérias sobre o porquê ser sindicalizado. Veja abaixo alguns exemplos de luta realizados em Brasília.

Venha para o SINDSEP-MT!

Fale Conosco

 

Rua Dr. Carlos Borralho, 82 - Poção - CEP 78015-630 - Cuiabá - MT

Telefones: (65)  3023-9338 / 3023-6617

Email : O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.